whenyoung


Foto da banda irlandesa whenyoung que lançou o álbum "Reasosn to Dream"

Há uma série de semelhanças entre o trio whenyoung (com letras minúsculas e tudo junto mesmo) e uma outra banda , o quarteto The Cranberries. Para quem ouvir a música da jovem banda desprovido de maiores informações, logo perceberá certa semelhança entre o timbre vocal de Aoife Power, que também é a baixista, e o de Dolores O’Riordan. Para completar, o grupo fez uma versão para “Dreams”, uma das canções mais famosas do grupo irlandês. Aí vem mais uma informação conexão, embora estejam atualmente sediados em Londres, a banda tem suas origens também em Limerick, com passagem por Dublin. Lançaram na semana passada (24/05) seu álbum de estreia, o interessante “Reasons to Dream”, que apesar de guardar pontos de intersecção com seus conterrâneos, não segue à sombra, apresentando momentos em que seguem buscando sua própria sonoridade. Inclusive porque o caminho deles é mais para um indie-pop. Há certas semelhanças, podemos culpar o timbre de Aoife, principalmente quando a banda direciona seu som para um lado mais melódico, vide a faixa “Never Let Go”. Alguns órfãos do Cranberries se sentirão felizes, outros poderão ficar até chateados, mas whenyoung tem qualidades, as onze canções que compõem seu álbum de estreia mostram uma banda competente, com a possibilidade de interessantes trabalhos vindouros. Ou não?

DESTAQUES: “The Others”, “A Labour of Love”, “In My Dreams”


LEIA TAMBÉM:

THE CRANBERRIES – In The End
DEATH AND VANILLA – Are You a Dreamer


:: Ouça o álbum:

Anteriores YAK - Pursuit of Momentary Happiness
Próximo HÆLOS - Any Random Kindness (2019)

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado.