Posts in

Archives


“Banda segue lançando adiante com trabalho consistente” O sotaque escocês inconfundível de James Graham. Peso e melodia convivendo harmoniosamente. Letras com conteúdo que se tornam importantes no disco. Herança bem apoderada do pós-punk. Até o extenso título de algumas canções continua. Está tudo em ordem. Tudo em sincronia. Claro que o The Twilight Sad não …

Na tentativa de se criar algo novo dentro de um gênero de jogo, ou às vezes nada se é criado, ou mesmo, o resultado é uma reunião de várias outras coisas que jogamos durante a vida. Pegue por exemplo ‘Evil Within’ que saiu agora dia 14 de outubro e que teve como produtor o grande …

“Quando a maturidade não se traduz em grandes canções” A carreira do Echo and the Bunnymen pode ser dividida em duas partes. A primeira, que vai até 1988, quando lançaram cinco ótimos álbuns que podem entrar tranquilamente em qualquer lista de melhores dos anos 70/80; a segunda, após um hiato de alguns anos, de 1997 …

Entro na Loja de discos Aky Discos (ou seria A Modinha?). – Pois não?! Pergunta o vendedor. – Tem disco do Echo and the Bunnymen? – Quem? – Echo and The Bunnymen. Repito. Ele pede que o acompanhe. Vamos até outro vendedor e o primeiro vendedor pede que eu repita a pergunta. – Disco do …

‘Série agrada em vários aspectos quer seja ao trazer a boa narrativa dos tempos dos grandes filmes policiais, quer seja na construção dos personagens memoráveis que carrega’. Emissora: HBO Quantidade de episódios: 8 Duração dos episódios: entre 50 a 60 minutos Criada por: Nic Pizzolatto (que já tinha escrito alguns episódios de The Killing) Dirigida …

Logo que saiu o clip oficial de ‘Wanderlust’, primeira canção de trabalho de “Present Tense”, novo álbum dos ingleses do Wild Beasts, percebeu-se que a tendência era que a banda seguiria pelos caminhos iniciados três anos antes em “Smother”, com a predominância de elementos eletrônicos como base para as canções e arranjos mais retos e …

“Apesar de subestimado, um dos preferidos da casa” Algum leitor atento que acompanha essa seção poderá reclamar que todos os discos aqui comentados são dos anos 80, e terá razão. Mas também não tenho culpa, 90% dos meus vinis foram lançados nessa década. Além disso, foi nessa década que descobri o rock’n’roll, os Smiths, o …

“Cortinas de guitarra assolando os ouvidos com brutalidade e delicadeza” Não se deve dar ouvidos a tudo que falam, nem acreditar em tudo que se lê. Estar com os ouvidos abertos para escutar e a partir daí julgar se aquilo lhe serve ou não. Essas regras servem para nossa conduta diária, e serve também quando …

Um belo dia de 1989 meu amigo Ângelo chegou todo empolgado com esse disco em mãos, havia recém comprado na Muzak e estava muito entusiasmado com o que tinha ouvido. Não demorou a fazermos uma audição “coletiva” do disco, fato comum naquela época, pois não bastava comprar e ouvir sozinho, tinha que ouvir também com …