SHOEGAZER ALIVE #25 | Shalloboi, Rubur, Engineers, Lavender e Dream Suicides


Shalloboi
Shalloboi

O mundo musical está acelerado nesses tempos confusos, mas o planeta Shoegaze, em especial, parece estar a mil por hora. No começo de agosto tivemos o Bandcamp Day com ótimas pedidas. Mas, ao mesmo tempo, surgiram tantos trabalhos mais interessantes que a ideia de fazer a primeira coluna mensal apenas com os lançamentos de Shoegaze e Dreampop no evento ficou para outubro – já que o B-Day é mensal. De novo a Ásia, em ebulição, nos presenteia com um fantástico álbum. Desta vez, o novo trabalho do Rubur, Shoegaze Made In China. Já a Inglaterra vivenciou a volta do excelente Engineers, com um EP instrumental altamente recomendável. Sem dar muito espaço para o Dreampop, indicamos mais três petardos do Shoegaze: Lavender, Dream Suicides e Shalloboi (FOTO DE DESTAQUE). Divirtam-se!

COLUNAS ANTERIORES: SHOEGAZER ALIVE


SHALLOBOI | Quarantine Covers (2020)


O Shalloboi é uma banda de Chicago, conhecida por adicionar fortes doses de Psicodelia à receita do Shoegaze. Especificamente neste disco, não segue a fórmula muito à risca porque se trata de um disco de covers, gravado durante o lockdown forçado e lançado em 04 de setembro. De qualquer forma, é um trabalho fascinante, com as regravações muito bem escolhidas. Destaque para Plainsong (The Cure), “Alison” (Slowdive) e “To Here Knows When” (My Bloody Valentine).


RUBUR | Persephone’s Seasons (2020)


Banda de Shangai, o Rubur já era relativamente conhecido na cena Shoegaze com alguns singles um EP formidáveis. Faltava o debut, e ele veio na forma de uma obra-prima chamada Persephone’s Seasons, lançado em 08 de setembro. O álbum abre dreamy, com a bela “Kairos Part I”, mas da segunda em diante o noise predomina, com a ordem das músicas muito bem elaborada. Aqui temos de tudo, Shoegaze clássico, Shoegaze atualizado… bom para todos os gostos.


ENGINEERS | Pictobug (2020)


O Engineers é uma banda britânica que ficou famosa por fazer um Shoegaze épico, com longas passagens instrumentais e arranjos encantadores, no começo do século. Deu uma pausa em 2009 e retorna em 2020 com um EP instrumental que flerta muito com a Psicodelia e a Ambient Music. Pictobug foi lançado em 07 de setembro e agora espera-se que a banda siga em frente e produza ao menos um disco cheio.


LAVENDER | Halcyon EP (2020)


Base de ótimas bandas, do estado norte-americano do Oregon vem o Lavender e seu Shoegaze clássico, fortemente calcado em Slowdive, porém com vocais mais próximos de Mark Gardener/Andy Bell, do Ride. As músicas foram lançadas agora, mas não são novas – segundo seu líder John Willians, são de 2014, e marcam um período feliz, de boas memórias. O EP Halcyon foi lançado em 06 de setembro e é sério candidato a ser um dos melhores do ano


DREAM SUICIDES | The Darkness That Follows Me (2020)


Ah, a Califórnia… terra de algumas das mais doces bandas Shoegaze dos Estados Unidos. Como o Dream Suicides (ótimo nome!), de Riverside, que faz um Shoegaze leve, otimista (apesar do nome!) e cativante. Na página do Bandcamp é sugerido que este EP, lançado em 08 de setembro, é o antecessor de um álbum cheio, que virá em outubro. Tomara! As cinco ótimas músicas de The Darkness That Follows Me deixam um sabor de “quero mais”.


Anteriores ‘Music, Money, Madness … Jimi Hendrix in Maui’ é o documentário e disco ao vivo do guitarrista
Próximo Suede disponibiliza show emblemático de 2010 no Royal Albert Hall :: ASSISTA

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *