SHOEGAZER ALIVE #25 | Shalloboi, Rubur, Engineers, Lavender e Dream Suicides


Shalloboi
Shalloboi

O mundo musical está acelerado nesses tempos confusos, mas o planeta Shoegaze, em especial, parece estar a mil por hora. No começo de agosto tivemos o Bandcamp Day com ótimas pedidas. Mas, ao mesmo tempo, surgiram tantos trabalhos mais interessantes que a ideia de fazer a primeira coluna mensal apenas com os lançamentos de Shoegaze e Dreampop no evento ficou para outubro – já que o B-Day é mensal. De novo a Ásia, em ebulição, nos presenteia com um fantástico álbum. Desta vez, o novo trabalho do Rubur, Shoegaze Made In China. Já a Inglaterra vivenciou a volta do excelente Engineers, com um EP instrumental altamente recomendável. Sem dar muito espaço para o Dreampop, indicamos mais três petardos do Shoegaze: Lavender, Dream Suicides e Shalloboi (FOTO DE DESTAQUE). Divirtam-se!

COLUNAS ANTERIORES: SHOEGAZER ALIVE


SHALLOBOI | Quarantine Covers (2020)


O Shalloboi é uma banda de Chicago, conhecida por adicionar fortes doses de Psicodelia à receita do Shoegaze. Especificamente neste disco, não segue a fórmula muito à risca porque se trata de um disco de covers, gravado durante o lockdown forçado e lançado em 04 de setembro. De qualquer forma, é um trabalho fascinante, com as regravações muito bem escolhidas. Destaque para Plainsong (The Cure), “Alison” (Slowdive) e “To Here Knows When” (My Bloody Valentine).


RUBUR | Persephone’s Seasons (2020)


Banda de Shangai, o Rubur já era relativamente conhecido na cena Shoegaze com alguns singles um EP formidáveis. Faltava o debut, e ele veio na forma de uma obra-prima chamada Persephone’s Seasons, lançado em 08 de setembro. O álbum abre dreamy, com a bela “Kairos Part I”, mas da segunda em diante o noise predomina, com a ordem das músicas muito bem elaborada. Aqui temos de tudo, Shoegaze clássico, Shoegaze atualizado… bom para todos os gostos.


ENGINEERS | Pictobug (2020)


O Engineers é uma banda britânica que ficou famosa por fazer um Shoegaze épico, com longas passagens instrumentais e arranjos encantadores, no começo do século. Deu uma pausa em 2009 e retorna em 2020 com um EP instrumental que flerta muito com a Psicodelia e a Ambient Music. Pictobug foi lançado em 07 de setembro e agora espera-se que a banda siga em frente e produza ao menos um disco cheio.


LAVENDER | Halcyon EP (2020)


Base de ótimas bandas, do estado norte-americano do Oregon vem o Lavender e seu Shoegaze clássico, fortemente calcado em Slowdive, porém com vocais mais próximos de Mark Gardener/Andy Bell, do Ride. As músicas foram lançadas agora, mas não são novas – segundo seu líder John Willians, são de 2014, e marcam um período feliz, de boas memórias. O EP Halcyon foi lançado em 06 de setembro e é sério candidato a ser um dos melhores do ano


DREAM SUICIDES | The Darkness That Follows Me (2020)


Ah, a Califórnia… terra de algumas das mais doces bandas Shoegaze dos Estados Unidos. Como o Dream Suicides (ótimo nome!), de Riverside, que faz um Shoegaze leve, otimista (apesar do nome!) e cativante. Na página do Bandcamp é sugerido que este EP, lançado em 08 de setembro, é o antecessor de um álbum cheio, que virá em outubro. Tomara! As cinco ótimas músicas de The Darkness That Follows Me deixam um sabor de “quero mais”.


Anteriores ‘Music, Money, Madness…Jimi Hendrix in Maui’ é o documentário e disco ao vivo do guitarrista
Próximo Suede disponibiliza show de 2010 no Royal Albert Hall

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *