PERFUME GENIUS | Set My Heart On Fire Immediately


Mike Hadreas AKA Perfume Genius, foto para resenha de Set My Heart on Fire Immediately

“Uma viagem visceral de autoconhecimento e liberdade corporal para dizer todas as coisas não ditas”

Mike Hadreas cresceu pelos subúrbios de Seattle, Washington. Teve uma adolescência um tanto conturbada e problemática. Passou pelo divórcio dos pais, enfrentou ameaças de morte na escola por ser homossexual. Mudou-se com sua mãe para Brooklyn, e começou a trabalhar como porteiro em um clube noturno e caiu no mundo das drogas.

Em 2008, sua vida passou por um divisor de águas. Retornou a Seattle onde começou a se interessar pela música. Nesse período começou a gravar suas primeiras canções e criou uma página no MySpace com o nome artístico Perfume Genius, para divulgar suas músicas que abordavam diversos temas; violência doméstica, sexualidade e as adversidades de ser um homem gay em uma sociedade contemporânea.

Seu primeiro álbum saiu em 2010, pela Matador Records. Com a maioria das faixas gravadas em sua casa. Em 2012, lançou seu segundo e polêmico disco Put Your Back N 2 It, com um vídeo promocional em que Hadreas abraça um ator pornô. E por conta disso, foi considerado inapropriado no Youtube. Seu terceiro disco, To Bright, saiu em 2014, e foi co-produzido por Adrian Utley (Portishead). Mas foi com No Shape (2017), que Perfume Genius foi indicado ao Grammy. E teve seu disco incluído em diversas listas de melhores do ano.

Agora estamos diante do seu quinto álbum, sucessor do ótimo No Shape, e pode se dizer que Set My Heart On Fire Immediately não perde em nada para o disco anterior em quesitos de produção e arranjos bem elaborados. As canções nascem de uma viagem por toda trajetória de vida do cantor. A criatividade imaginaria de Genius é bela e ao mesmo tempo peculiar. Se nutre de uma simplicidade para falar de conflitos pessoais e relacionamentos amorosos. Um disco de canções autobiográficas que entrega um nostálgico e envolvente Pop, indo ao Indie e mesclando com o Alternativo. Algo que lembra um pouco o disco recém lançado da Fiona Apple, Fetch The Bolt Cutters (2020).

As canções ganham formas distintas criando uma alusão de uma roda de conversas entre o músico e o ouvinte, onde o sentimentalismo percorre melodias deslumbrantes. É o caso da ocidental “Describe”, com sua linha de baixo sórdido e desvirtuoso e um violão ressoante que fazem da canção uma obra sinfônica do Art Rock. Hadreas regressa nas memorias de sua mente alarmada, transitando por problemas de saúde, depressão, mas sempre almejando dias melhores: “Não há mais sinos/Apenas meu estômago roncando/ você pode descrevê-los para mim?…Você pode apenas esperar aqui comigo?”.

“Without You” é um Pop barroco harmonioso que cresce a cada audição. Uma enternecedora elegia ao Pop do Belle & Sebastian, construindo um dos momentos mais mágicos do disco, para nos dizer que por mais que tentemos não vamos entender os sentimentos causados pela dor da saudade: “É o sentimento mais estranho/ Desconhecido mesmo/ Quase bom/ Com o escuro ainda balançando…Você sabe que faz tanto tempo, muito tempo/ Sem você”.

Set My Heart On Fire Immediately soa vanguardista com sua narrativa introspectiva e ao mesmo tempo bucólica, um singelo reflexo de memórias tiradas da inquietante mente de Mike Hadreas, que se resumem em treze canções de um músico autoconfiante, maduro, dono de uma voz vibrante que incorpora e da vida a cada canção.

“On the Floor” chega marcada por riffs de guitarras e sintetizadores entregando um Pop doce e dançante, daqueles que a gente gosta de ouvir. Uma canção para refletir sobre a vida, e se torna ainda mais oportuna para isso diante do momento que vivenciamos, o qual precisamos nos conectar com nosso interior para compreender o exterior. “Quanto tempo até isso desaparecer? / Quanto tempo até meu corpo estar seguro? / Quanto tempo até eu andar na luz/ Quanto tempo até esse coração não ser meu?”. Bons questionamentos para esse momento de reclusão e isolamento social.

Assim como Fiona Apple, Perfume Genius lança seu disco em um momento oportuno de inúmeras incertezas e nos brinda com ótimas canções enérgicas e melancólicas que transmitem um estado de espirito harmonioso, um berço para se deitar e encontrar a paz. A evolução do artista como músico e compositor fica clara em composições, letras líricas, que se tornam verdadeiros poemas tirados do inconsciente de sua alma. O cantor se encontra em um estado solido, em evolução com seu próprio eu e sua sexualidade.

“Nothing at All” é outro ponto forte do disco. Uma canção de sintetizadores enérgicos e guitarras exaltantes. Uma das músicas mais bonitas e bem arranjadas do álbum. Possui uma atmosfera psicodélica e experimentalista. Com uma letra instigante e lírica: “Eu tenho o que você quer, querida/ Eu tenho o que você quer, filho… Nada/ Nada mesmo”.

As canções de Set My Heart On Fire Immediately são obras sinfônicas do Pop barroco e do Art Rock, que conduzem uma enternecedora atmosfera vibrante que explora a força dentro de nós. E Hadreas contou com um elenco de músicos renomados como: Matt Chamberlain, Pino Palladino e Jim Keltner, nomes conhecidos por trabalhar com Bruce Springstten, Fiona Apple e Elton John. Um elenco de peso que ajudou a construir canções enternecedoras que acalentam e confortam a alma e, ao mesmo tempo, incendeia corações imediatamente.

NOTA: 7.8

::: OUÇA A FAIXA “DESCRIBE” EM NOSSA PLAYLIST DE 2020 :::


NOTA DOS REDATORES:

Eduardo Salvalaio: 8.5
Eduardo Juliano:
Isaac Lima:
Luciano Ferreira:

MÉDIA: 8.2


LEIA TAMBÉM:

RESENHA: EOB | Earth
RESENHA: NADA SURF | Never Not Together


Perfume Genius, capa do álbum Set my Heart on Fire

:: FAIXAS:

01. Whole Life
02. Describe
03. Without You
04. Jason / 05. Leave
06. On the Floor
07. Your Body Changes Everything
08. Moonbend
09. Just a Touch
10. Nothing At All / 11. One More Try
12. Some Dream
13. Borrowed Light


:: Ouça o álbum:


:: Assista ao videoclipe de “On the Floor”:

Anteriores SHOEGAZER ALIVE #10 | Linda Guilala, The Virgance, Prepare My Glider, Cuerpos Cósmicos & Seashell
Próximo O ESCÂNDALO | Bombshell (2019)

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *