7 JOGOS QUE RETRATAM O VALOR DA AMIZADE


Majin And The Forsaken Kingdom

Tema comum não apenas no cinema e nas séries, a amizade também rende momentos mágicos em muitos jogos. Seria difícil elaborar uma lista com apenas 7 jogos, porém tentei encaixar aqueles que realmente cheguei até o final, onde a relação de amizade é bem intensa e que ambos personagens dependem uns dos outros para o desenvolvimento da trama. A lista não segue uma ordem de preferência. Entre parênteses, a produtora do jogo e o ano. Vamos a eles:

:::

01 – Brothers: A Tale Of Two Sons (Starbreeze Studios, 2013)

Um jogo lindo com uma narrativa atraente onde jogar é o que menos importa. Passando por cidade, calabouços, cemitérios e mares, acompanhamos quase um filme onde seguiremos a trajetória de dois irmãos que saem em busca de uma cura para o pai deles. Eu disse irmãos? Sim, irmãos são amigos mais íntimos, são cúmplices. Além de tudo, durante a jornada, amizades inesperadas podem aparecer. Jogo onde não contar o final é muito importante, para tomar o devido soco no estômago.

::

02 – Enslaved: Odissey To The West (Ninja Theory, 2010)

Conhecem aquela história onde dois personagens se odeiam, quase não podem ficar próximos e ao longo da narrativa acabam que darão a vida um pelo outro? Em jogo, a resposta é Enslaved. E não tem jeito. Você, no papel do obscuro Monkey, precisa ficar ao lado da garota Trip. Caso você se afaste, a morte é certa. Ao longo do caminho, descobertas serão feitas, outros personagens surgirão, verdades surgem e o laço de amizade torna-se ainda mais poderoso num jogo que traz o estilo plataforma e o senso de exploração em alta.

::

03 – Life Is Strange (Dontnod, 2015)

Apesar de a trama soar um tanto quanto adolescente como alguns jogadores ousaram sugerir, Life Is Strange consegue trazer a questão da manipulação do tempo junto a um denso ambiente permeado por bullying, mentiras e prepotência. Porém, no meio de tanta hostilidade, pode sim surgir amizades que acabam fazendo toda a diferença na história. Mas esse é um jogo de escolhas, de largar o que você gosta, de talvez sacrificar alguém. Dessa forma, espere um jogo triste e com desfecho pesado.

::

04 – Majin And The Forsaken Kingdom (Game Republic, 2010) – Imagem Principal

Jogo é tão bonito que até o monstro, Majin, é capaz de emocionar o mais truculento dos jogadores. Enorme na tela, nosso querido personagem é uma figura doce que, ao lado do cavaleiro Tepeu, terá que limpar seu reino da escuridão que o assolou. Ambos terão que agir juntos para avançar em armadilhas e no combate durante os cenários. Novamente, mais um jogo em que a trama se desenvolve aos poucos, a real história vem cadenciada entre bons momentos de ação e conversa entre os personagens. Se hoje existe ‘The Last Guardian’, muito antes já existia esse belo e criativo jogo.

::

05 – Never Alone (Upper One Games, 2014)

O próprio título sugere que nesse jogo ter companhia é importante. Uma garota esquimó, uma raposa, cenários gélidos embora pareçam pintados perfeitamente à mão, muitos desafios e perigos. Temos um jogo que apesar de terminarmos rápido, fica retido na memória por muito tempo. A relação de amizade entre homens e animais sempre foi tema em cinema, em jogo funciona igualmente de forma adequada e convidativa para o jogador. O jogo também merece destaque por trazer a história da cultura Iñupiat, comunidade indígena que habita uma parte inóspita ao norte do Alasca.

::

06 – Papo & Yo (Minority Media Inc., 2012)

Novamente, uma amizade incomum. O garoto Quico e um monstro. Pelas ruas de uma cidade, o jogador vai se deparando talvez com cenas de sua infância, enfrentando quebra-cabeças e tendo como visual mais um belo jogo que parece saído de uma pintura. Mais do que isso, há tantas alegorias aqui, tantas metáforas e críticas (como ao próprio abuso infantil). Claro que tudo fica elucidado para quem chegar até o final.

::

07 – Valiant Hearts (Ubisoft Montpellier, 2014)

No meio de uma guerra surgem amizades e heróis. Um belíssimo e criativo jogo, considerado por muitos jogadores como um dos mais sensíveis até hoje. Soldado, enfermeira e um cão salva-vidas se unem para vencer os desafios e as amarguras que um cenário de guerra promove. Puzzles bem feitos, trama charmosa e outro final que consegue colocar os jogos como um estado de arte comovente e capaz de nos fazer refletir.

::

:: Observação: Evitei colocar jogos do gênero RPG pois praticamente são todos baseados em amizades, uma vez que seu personagem principal sempre monta uma party para usar nas batalhas. Jogos como ‘Final Fantasy’ e ‘Ni No Kuni’ retratam bastante esse aspecto da amizade nos jogos.

::

Leitor, sua participação é importante. Comente, dê dicas a respeito da lista. Opine também escrevendo quais jogos em que a o sentimento da amizade foi bem retratado. Obrigado.

Anteriores O CONTO DA AIA (The Handmaid's Tale, 2017)
Próximo SHAME :: Assista apresentação da banda na KEXP

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *