JOSH ROUSE – Love In The Modern Age (2018)


“Folk-rock sem estardalhaço, muito influenciado pelos anos 80’s e que segue adiante”

Josh Rouse vai chegando aos 20 anos de carreira com uma discografia que, embora apresente algumas falhas, podemos dizer que continua com álbuns de renome quando se fala do gênero folk-pop. Importante relatar que o músico foi além, ampliou sua sonoridade. Muito de soul music e da influência dos anos 80’s estão presentes (The Blue Nile, Aztec Camera e Prefab Sprout). O novo trabalho consegue voltar em parte aos tempos de ‘Home’ (2000), pegue o exemplo da abertura de ‘Salton Sea’. Também tenta abraçar a” nova moda” musical de usar sintetizadores (‘Tropic Moon’). ‘Love In The Modern Age’ pode não ser um grande disco, muito menos um dos melhores do músico, tem algumas faixas fracas e sem genialidade, como ‘Hugs And Kisses’, embora traga a riqueza de detalhes que costumam preencher os trabalhos de Rouse. Quando o músico está inspirado, compõe belas faixas: a guitarra marcante e a busca pelo timbre vocal de Leonard Cohen em ‘There Was A Time’, os sopros galantes que ornamentam o pop com a soul music de ‘Love In The Modern Age’ e o clima regado a The Style Council que impregna ‘Businessman’. Sob esse aspecto, vale lembrar que Josh Rouse ainda é um músico de boa qualidade, apesar de não criar mais um trabalho tão imponente como aconteceu dezoito anos antes.

:: NOTA: 7,0

:: FAIXAS:
01 – Salton Sea
02 – Ordinary People, Ordinary Lives
03 – Love In The Modern Age
04 – Businessman
05 – Women In The Wind
06 – Tropic Moon
07 – I’m Your Man
08 – Hugs And Kisses
09 – There Was A Time

 

::

:: Mais Informações:
Allmusic
Facebook
Site oficial

:: Assista abaixo ao vídeo de ‘Love In The Modern Age’:

Previous UM LUGAR SILENCIOSO (A Quiet Place, 2018)
Next HEARTS HEARTS - Goods/Gods

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *